Tratamento para Hemorroidas Externas – Recomendações!

Tempo de leitura: 4 minutos

Muitas pessoas costumam esconder ou não falar sobre este incômodo problema, já que se trata de uma situação um pouco delicada. Aqui, iremos descrevê-lo com mais detalhes para que todos possam conhecê-lo melhor e saber como tratá-lo, buscando orientação para obter o melhor tratamento para hemorroidas externas.

As hemorroidas externas são as que sofreram prolapso, e ficam localizadas na parte exterior do orifício anal. Elas podem ser identificadas a olho nu ou sentidas através do toque, e apresentam uma tonalidade escura e um aspecto inchado. Entre os principais sintomas que as acompanham, podemos citar o prurido, a dor e o sangramento, principalmente durante a evacuação.

É muito importante ficar atento ao desenvolvimento das hemorroidas, já que elas podem evoluir para outros estágios mais graves. Se elas estiverem inchadas demais e adquirindo uma tonalidade azulada, pode se tratar de uma trombose hemorroidária, situação mais severa que requer uma consulta médica imediata.

Qualquer um pode vir a ter hemorroidas externas, e o melhor conselho que podemos dar é não subestimá-las e iniciar o tratamento o quanto antes. A seguir, iremos discutir os principais remédios e hábitos mais eficazes para prevenir e combater esta condição.

Os quatro graus progressivos das Hemorroidas Externas ( e internas)

Primeiramente, precisamos entender que as hemorroidas podem ser externas ou internas, localizadas, respectivamente, na parte exterior do ânus ou no interior do canal anal.

  • 1° grau:

    São hemorroidas internas que costumam não causar dor. O único sintoma é o sangramento leve durante a evacuação.

  • 2° grau:

    Seguem sendo internas, mas começam a se deslocar para a parte externa do canal durante a evacuação, sofrendo o que chamamos de prolapso. Elas voltam a entrar espontaneamente logo em seguida.

  • 3° grau:

    O prolapso ocorre durante a evacuação, mas as hemorroidas não reentram mais espontaneamente, devendo ser reinseridas manualmente, com delicadeza para não machucar.

  • 4° grau:

    Torna-se impossível reinserir as hemorroidas, mesmo que manualmente. Elas ficam localizadas na região exterior do ânus e podem ser extremamente dolorosas.

Além da dor, outro sintoma comum é a existência de prurido e sangramento. Apesar de ser uma situação incômoda, ela pode ser tratada com algumas alterações relativamente simples no estilo de vida.

Entre as causas das hemorroidas, podemos mencionar os esforços intensos e repetitivos no trabalho ou durante a prática de esportes como ciclismo, equitação e fisiculturismo, as alterações hormonais da gestação e o sedentarismo.

causas das hemorroidas externas

No entanto, o principal fator causador da doença hemorroidária costuma estar relacionado ao mau funcionamento do intestino, mais especificamente à prisão de ventre. Dessa forma, esta questão precisa ser tratada para que possamos acabar com as hemorroidas externas e internas.

Recomendações e Tratamento para Hemorroidas Externas

Quando você busca uma cura efetiva e um tratamento para hemorroidas externas, o foco deve ser na manutenção de uma dieta equilibrada, rica em fibras e com a correta ingestão de líquidos. Assim, o intestino irá funcionar melhor e de forma mais regular, permitindo prevenir a constipação e, consequentemente, o surgimento das hemorroidas.

Dieta

Priorizar a ingestão de água, frutas, verduras e fibras, e não fazer uso indiscriminado de laxantes. Esta deve ser uma última alternativa de urgência, caso não tenhamos êxito com as mudanças na alimentação, tendem a serem eficazes no tratamento para hemorroidas externas.

Atividades Físicas

Praticar atividades físicas leves e moderadas regularmente. Dessa forma, podemos prevenir e frear a evolução desta condição, obtendo mais qualidade de vida e bem estar de forma totalmente natural.

Sangramentos

Se você está sofrendo com este problema, ficará aliviado em saber que os sangramentos não costumam ser intensos, e ocorrem principalmente durante a evacuação.

Para combater os sangramentos e os outros sintomas, podemos fazer uso de remédios naturais específicos para este fim. Eles contam com propriedades adstringentes e emolientes, que ajudam a cicatrizar os tecidos inflamados, restaurando-os e tratando com eficácia a região afetada.

Tratamento para Hemorroidas Externas: Conclusão e Recomendações Finais

Muitas pessoas costumam viver por muito tempo com este problema sem tomar nenhuma providência para tratá-lo. Nosso conselho é que você não faça isso. A situação pode piorar desnecessariamente, podendo inclusive chegar a um ponto no qual seja necessária uma cirurgia.

Se for tratada rapidamente, a doença hemorroidária tem cura, e as mudanças no estilo de vida que sugerimos podem preveni-las, mantendo-nos livres dela também no longo prazo. Este ponto é fundamental, já que, se ficarmos somente tratando os sintomas, ela provavelmente continuará reaparecendo de tempos em tempos.

Como conclusão, podemos afirmar que hábitos simples como a manutenção de uma dieta saudável e o uso de remédios naturais podem prevenir, combater e eliminar definitivamente as hemorroidas externas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *